Em Araçatuba, bando ataca agências bancárias, faz reféns e três pessoas morrem

O grupo, com cerca de 20 criminosos, estava fortemente armados e dividido em dez carros. Eles abordaram pedestres e motoristas, na madrugada desta segunda-feira (30), e espalharam explosivos em diversos locais da cidade.

O ataque às agências bancárias terminou com três pessoas mortas: um criminoso e dois moradores. Dois suspeitos também foram presos. A ação durou duas horas, com direito a tiroteio e fuga.

A prefeitura da cidade de 200 mil habitantes suspendeu as aulas em virtude dos explosivos espalhados.

Os moradores da cidade compartilharam diversos vídeos nas redes sociais em que algumas vítimas aparecem em uma espécie de "escudo humano" dos criminosos e também sobre carros.

A ação foi tão planejada que os criminosos monitoravam os policiais com drones. Eles também fecharam algumas entradas da cidade com veículos em chamas para evitar a aproximação dos agentes.

Na fuga, parte dos bandidos escapou em direção a uma área rural, mas foram surpreendidos pelos policiais. Houve confronto. Um criminoso morreu e outro ficou ferido.

Policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foram acionados para desativar os explosivos que ainda estão na cidade. Até agora, mais de dez foram encontrados.

O Batalhão de Ações Especiais da Polícia (Baep) de São José do Rio Preto (SP) também está auxiliando no caso.

Ainda não se sabe o valor levado.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários