Com mais de 50 filhos, Flordelis não recebeu uma visita no 1° mês de prisão

A ex-deputada federal e pastora evangélica, Flordelis dos Santos Souza, já está há um mês na penitenciária Talavera Bruce, no complexo de Gericinó, Rio de Janeiro. Mas, o que chamou a atenção dos policiais é que nesse tempo, embora tenha mais de 50 filhos, entre adotivos e de sangue, a ex-parlamentar não recebeu uma visita.

Flordelis perdeu o mandato de deputada e foi presa, acusada de arquitetar a morte do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo. Ele foi morto com mais de 30 tiros, em junho de 2019. Pelo menos, sete projéteis atingiram a região pélvica dele; o que, segundo os investigadores, indica que o crime foi passional.

Quatro pessoas pediram para fazer cadastro de visitas a Flordelis na cadeia. Duas ainda estão sendo analisadas pelo sistema penitenciário e outras duas foram negadas por, supostamente, não ter relação de parentesco com a presa.

Em breve, Flordelis e mais nove acusados enfrentarão um júri popular.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários