Jeff Bezos promete doar dinheiro para preservar a Amazônia e foca no Pará

O americano Jeff Bezos, dono da Amazon e uma das maiores fortunas do planeta, pretende doar US$ 1 bilhão para a preservação de 30% do solo e da água do mundo até 2030.

A declaração foi compartilhada, nesta segunda-feira (20), e a ideia é fazer o “Fundo Bezos para a Terra” conseguir arrecadar de gente rica um total de US$ 10 bilhões em uma década e investi-los em meio ambiente.

A Fundação garante que, com as doações, será possível “criar, expandir, gerenciar e monitorar áreas protegidas e conservadas” e, ao mesmo tempo “avançar na justiça ambiental e na oportunidade econômica”.

- (...) A natureza não é melhor hoje do que era há 500 anos, quando desfrutávamos de florestas intactas, rios limpos e do ar puro da era pré-industrial. Podemos e devemos inverter esta anomalia. Se nos unirmos com o foco certo e com a criatividade, podemos ter tanto os benefícios das nossas vidas modernas quanto um mundo natural próspero - afirma Bezos.

O dono da Amazon pretende investir em projetos de remoção de carbono na floresta amazônica, restaurar áreas florestais e criar fontes de renda mais sustentáveis para pequenos agricultores no Pará, um dos Estados mais ricos em biodiversidade e minérios do planeta.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários