Ato pró-Bolsonaro do dia 7 de setembro foi quase 16 vezes maior que protesto da oposição neste sábado (2)

O presidente Jair Bolsonaro mobilizou uma multidão de pessoas no dia 7 de setembro, quando o Brasil comemorava a Independência da República.

Se forem analisados os números que o Governo de São Paulo, sob o comando de João Doria (PSDB), informou, 125 mil pessoas no feriado, na avenida Paulista, esse contingente é muito maior do que o registrado, neste sábado (2), contra o chefe do Executivo.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP), a manifestação contra Bolsonaro reuniu 8 mil pessoas na cidade de São Paulo. E, mesmos e fosse somada aos protestos dos dias 7 e 12 de setembro, não passaria de 29 mil pessoas, um público 4,3 vezes menor do que o total de apoiadores que foram às ruas da metrópole no dia 7.

Se bem que, comparando as fotos da avenida Paulista lotada no dia do feriado e as imagens da última Parada Gay em São Paulo, que uniu 3 milhões de pessoas, o volume é idêntico. O que significa que a contagem de 125 mil apoiadores feita por Doria estaria totalmente equivocada.

Mas, SSP-SP alega que a apuração é baseada em imagens aéreas, análise de mapas e georreferenciamento. Então, tá.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários