Após CPI da Covid, Congresso planeja retomar a CPMI das Fake News em 2022

A CPI mista das Fake News anda parada desde março de 2020, quando a pandemia da Covid-19 iniciou no Brasil. Mas, com a finalização da CPI da Covid-19, no Senado Federal, os congressistas já planejam retomar os trabalhos da outra comissão; mesmo em ano eleitoral.

O senador Angelo Coronel (PSD-BA), que é presidente desse colegiado, afirmou que vai dar continuidade à CPMI, em 2022, porque, agora, ele está “focado na reforma do IR.”

A CPMI pretende investigar a suspeita de uso de notícias falsas e de desinformação, assédio e a incitação a outras práticas criminosas na internet, durante as eleições de 2018.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários