OIT premia MST: “luta por justiça social” no Brasil

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) foi um dos 5 vencedores do Prêmio Esther Busser Memorial Prize, promovido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT). Para justificar a premiação, a entidade disse que o MST “luta por justiça social” no Brasil.

A entrega dos prêmios será feita nesta sexta-feira (22).

A OIT é uma agência multilateral da Organização das Nações Unidas (ONU), que foca na regulação do trabalho, especialmente no cumprimento das normas internacionais.

O MST foi fundado em 1984 e tornou-se um símbolo nacional da luta pelo acesso à terra. O movimento diz que possui, aproximadamente, 350 mil famílias assentadas em 24 Estados do Brasil.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários