VÍDEO: Procuradora afirma ao vivo que prisão de Allan dos Santos é ilegal e corrige apresentadora da CNN

A Procuradora da República, Thamea Danelon, que assumiu, recentemente, o cargo de comentarista política da CNN Brasil, chamou a atenção, neste sábado (23), ao corrigir a apresentadora do programa ao vivo, que mencionou o dono do Portal de Notícias “Terça Livre”, Allan dos Santos, de “blogueiro bolsonarista”.

Na sequência, Thamea também afirmou que a prisão do jornalista investigativo pelo Supremo Tribunal Federal (STF) é ilegal, uma vez que ele não tem foro privilegiado.

- Ele não é deputado. Ele não é senador. Não é Ministro de Estado. Então, não há justificativa para que haja uma decisão pela sua prisão pela Corte Suprema do nosso país – explicou a professora de Direito Penal, acrescentando que o comunicador só poderia ser, eventualmente, preso pelo STF; caso tivesse cometido um crime com outra pessoa que tivesse o foro privilegiado.
- Tudo é muito nebuloso em todos esses inquéritos. Seja o inquérito das Fake News, dos Atos Antidemocráticos, que já foi arquivado (por falta de provas) e aberto esse outro procedimento de eventuais milícias digitais, que não é nem tipificado no código penal - criticou.
- Numa decisão que decreta uma prisão, não basta indicar quais os artigos do Código penal foram cometidos. É importante trazer os fatos. Nada está claro -

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários