VÍDEO: Escola de Goiânia promove “baile funk” para crianças e pais acionam o Conselho Tutelar

O “baile funk” ocorreu na Escola “Cantinho das Letras”, no dia 8 de outubro, e comemorava o Dia das Crianças. Porém, a organização da festa foi parar na polícia depois que os pais das crianças viram as imagens dos filhos de 7 a 10 anos dançando e cantando conteúdo pornográfico com as letras das músicas.

Os vídeos foram encaminhados aos responsáveis pelas próprias professoras, o Conselho Tutelar foi acionado e notificou a responsável pelo colégio particular. As docentes não sabiam que, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), crianças não podem ser expostas a conteúdo pornográfico.

- Criança erotizada reproduz o que vê e ouve. Se for um estímulo contínuo, podem se tornar mais suscetíveis a se tornarem vítimas de abuso ou abusadores”, explicou uma conselheira tutelar.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários