Bolsonaro não aceita provocação de Marinho e diz: "O teu pai é o maior interessado na cadeira do Flávio"

O presidente Jair Bolsonaro concedia entrevista ao programa “Pânico”, da Jovem, quando um dos participantes do quadro, André Marinho, que é filho do primeiro suplente do senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), resolveu fazer uma pergunta insinuando que o filho do chefe do Planalto faria “rachadinhas” com salário dos seus assessores.

Bolsonaro não gostou do comentário e disse que não aceitava provocação.

O jornalista e escritor Adrilles Jorge defendeu o presidente, rebateu Marinho e iniciou uma grande discussão. Irritado com a briga, o chefe do Planalto abandonou a atração.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários