VÍDEO: Rodrigo Maia retoma mandato de deputado federal e já diz ser contra a PEC dos Precatórios

Depois de dois meses licenciado do cargo, o deputado Rodrigo Maia, que foi presidente da Câmara e, hoje é ferrenho opositor do presidente Jair Bolsonaro, tem feito o possível para que pautas governistas não sejam aprovadas no Congresso, entre elas, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios.

O Governo Federal gostaria de adiar os pagamentos dessas taxas judiciais referentes a processos em que a União perdeu, mas o Supremo Tribunal Federal (STF) está obrigando o governo a aumentar os gastos com essa despesa. Por isso, o presidente encaminhou o projeto para votação dos parlamentares.

Caso não seja aprovada a PEC, o Auxílio Brasil de R$ 400 que a equipe econômica pensava em conceder aos mais vulneráveis não poderá mais ser realizado.

Enquanto foi presidente da Câmara, Maia sofreu duras críticas por “sentar em cima” de projetos sociais que seriam importantes para o país. Cinquenta por cento das MPs assinadas por Bolsonaro caducaram na gestão dele.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários