Após anúncio de morte, Marília Mendonça fica 24 horas sendo a cantora mais ouvida do mundo

Após morte precoce na tarde desta sexta-feira (5), Marília Mendonça foi a cantora mais ouvida do mundo no sábado (6), dia do enterro dela em Goiânia. A “Rainha da Sofrência” foi reproduzida 28,6 milhões de vezes e desbancou até mesmo Taylor Swift, que vinha ostentando o primeiro lugar nas paradas do streaming.

No Spotify Brasil, ela já tinha 20 canções no top 200 do aplicativo; o que mostra por que a goiana era chamada de “Rainha”. Porém, com o anúncio da sua morte, no dia seguinte ao acidente, ela já tinha 74 músicas no streaming. Três delas entre as dez mais tocadas do país.

No top 200 global do Spotify, Marília aparece com três músicas: "Esqueça-me se for capaz" (48ª), "Todo mundo menos você" (68ª) e "Troca de calçada" (145ª).

A musa brasileira superou, além de Taylor Swift, Doja Cat, Adele, Dua Lipa, Billie Eilish no ranking das mais ouvidas.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários