"Cuspiram na gente", diz torcedor mirim hostilizado por torcida do Santos

No final de semana passada, o pequeno Bruninho, um torcedor do Santos, se meteu em uma baita polêmica. Ele foi, duramente, hostilizado pela torcida do time, após pedir a camisa do goleiro Jailson (Palmeiras), durante partida na Vila Belmiro e disse ter ficado horrorizado e com medo de morrer.

- Naquela hora eu senti muito medo de morrer porque eles estavam falando ‘pega o pai dele’, ‘pega a bolsa’. Eles ficaram cuspindo na gente e xingando a gente com palavrões pesados - lembra o menino.

O caso viralizou e o garoto recebeu o apoio de vários craques do futebol, como Pelé, Weverton, Gabigol e o próprio Jaílson. Eles se manifestaram e o presentearam com camisas.

Neymar, craque do PSG, também ficou sabendo do ocorrido e conheceu o menino.

- Foi uma semana muito agitada, com muitas entrevistas. Adorei conhecer o Neymar e os jogadores da seleção. O Neymar é uma ótima pessoa. Ele é humilde. Joga pra caramba - comemora Bruninho.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários