Pré-candidato à presidência do Brasil, Pacheco diz que sabatina de Mendonça sai até 2 de dezembro

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), disse que a sabatina do ex-Ministro da Justiça e ex-Advogado-Geral da União (AGU), André Mendonça, deve ocorrer entre os dias 30 de novembro e 2 de dezembro.

Há meses o pastor evangélico, que foi indicado ao Supremo Tribunal Federal (STF) pelo presidente Jair Bolsonaro, aguarda sua sabatina para assumir a cadeira na Corte. Mas, o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Davi Alcolumbre (DEM-AP), tem negado diligentemente agendar o evento.

Nos bastidores políticos e judiciários, há quem afirme que um evangélico não é bem visto por seus futuros pares no Supremo e que a oposição ao Governo do presidente Bolsonaro gostaria de que fosse indicado outro no lugar de Mendonça. Porém, de acordo com a lei, quem indica para a vaga é o presidente atual. Por isso, Alcolumbre gostaria de adiar a sabatina até que Bolsonaro saísse do cargo. Ele não acredita que o chefe do Executivo se reeleja.

Pacheco disse que o rito de espera está dentro da normalidade e que a Casa estaria analisando outros nomes para a vaga ao STF.

- A minha pretensão, como presidente, é esgotar a apreciação das indicações que estão feitas ao Senado -
- Nós temos que exercer o nosso dever constitucional de apreciação, e eu quero muito chegar ao fim do ano com esse assunto resolvido - alegou.

Questionado se Alcolumbre não estaria ultrapassando os limites do seu papel de parlamentar, Pacheco despistou:

- É o ex-presidente da Casa que merece o meu respeito e tem o direito, como todo cidadão brasileiro, de se defender de todas as acusações que lhe façam. Então, não há motivo para afastamento do presidente Davi e de nenhum outro senador que está à frente da comissão - disse referindo-se às denúncias de “rachadinha” que pesam contra Alcolumbre e tráfico internacional de drogas contra o primo dele.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários