Mais de 150 jornalistas estão na mira da Globo

Após demitir os veteranos Renato Machado, Francisco José, José Hamilton Ribeiro e Eduardo Faustini, a Rede Globo mira agora em mais de 150 jornalistas que já estão numa lista dos próximos desvinculados da empresa.

As demissões irão atingir filiais em São Paulo, Rio, Brasília e sucursais internacionais, onde a emissora deixou de operar em 43 países da Europa; permanecendo apenas em Portugal.

Para evitar ser notificada por sindicatos ou mesmo ir parar nos tribunais, a Globo vai demitindo os funcionários aos poucos. Ela não pode ter pendências trabalhistas, se quiser renovar a concessão por mais 15 anos com o Governo Federal no ano que vem.

Entre os funcionários da "poderosa" já é sabido que só vai ficar quem produzir muito.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários