Antonio Anastasia é eleito ministro do TCU

O senador Antonio Anastasia (PSD-MG) foi eleito ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) pelo Plenário da Casa. Cinquenta e dois votos foram a favor do parlamentar, que disputava a vaga com Kátia Abreu (PP-TO) e Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

A indicação ainda precisa ser aprovada pela Câmara dos Deputados.

Ao agradecer o número de votos e apoio dos colegas, Anastasia lembrou que um ministro do TCU precisa ter conhecimento técnico sobre as contas públicas, legislação aplicada à administração federal e sensibilidade para compreender a realidade dos gestores.

É imprescindível que o ministro, ao exercer o seu trabalho, tenha de fato condições de sopesar, no caso concreto, diante de cada circunstância, de cada processo que lhe é submetido, as circunstâncias adequadas àquele caso.
O gestor, temeroso, receoso do que pode acontecer com a sua decisão, adota uma série de decisões terríveis para a administração - alertou.

Os ministros do TCU têm mandato vitalício, mas se aposentam compulsoriamente aos 75 anos. O órgão auxilia o Congresso Nacional a fiscalizar as finanças públicas e apresenta pareceres sobre as contas anuais apresentadas pelo Executivo.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários