Grávida de gêmeas é executada em Ponta Porã

Ana Carolina Alhende Aquino foi morta a tiros, na cidade de Ponta Porã (MS), fronteira entre o Brasil e o Paraguai.

A moça estava na companhia do marido, que a polícia acredita ser o principal alvo do ataque.

O casal estava no carro quando um outro veículo parou e o atirador desce, enquanto outro homem fica na direção.

A jovem estava grávida de duas meninas e foi atingida com um tiro na cabeça. Os médicos conseguiram salvar as recém-nascidas e passam bem.

A polícia está investigando o caso.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários