Cuca deixa o comando do Atlético-MG

Na tarde desta segunda-feira (27), o treinador se reuniu com a diretoria do clube alvinegro e anunciou que está deixando o cargo. Um dos concorrentes à vaga é o português Jorge Jesus, que foi demitido do Benfica, recentemente.

A informação foi dada pela rádio Itatiaia.

Cuca disse que o principal fator responsável por sua decisão foram problemas de ordem familiar. O treinador ainda se comprometeu com o comando do Galo a não trabalhar em outra equipe na próxima temporada.

Cuca havia retornado ao Atlético em março, uma vez que o argentino Jorge Sampaoli teria deixado o cargo para trabalhar no futebol francês. Ele dirigiu o time em 224 jogos, com 128 vitórias e apenas 9 derrotas.

O clube ainda não se posicionou diante da decisão do técnico. Porém, a agenda do Atlético para 2022 continua seguindo normalmente. Agora, no dia 17 de janeiro, a reapresentação do elenco alvinegro acontecerá, na Cidade do Galo. Em seguida, 26 de janeiro, ocorrerá a estria do Atlético no Campeonato Mineiro e 20 de fevereiro o time enfrentará o Flamengo, na decisão pela Supercopa 2022.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários