“Estávamos errados sobre ele”, diz Michael Chandler sobre Do Bronx

O lutador Charles Oliveira, mais conhecido como Charles do Bronx, de 32 anos, vive o momento de ouro na carreira; uma vez que conseguiu mudar a opinião de seus concorrentes no peso leve (70 kg).

Justin Gaethje e Khabib Numagomedov que, anteriormente, haviam duvidado da capacidade do brasileiro como atleta, se arrependeram, e, agora, reconhecem que ele merece o status de campeão da categoria em 2021.

E quem recentemente se juntou ao time dos “arrependidos” foi Michael Chandler, outro lutador premiado. Foi ele quem impediu o brasileiro de conquistar o título da divisão, em maio deste ano, em Houston (EUA).

O americano não nega a posição de favorito diante de Charles, que as casas de apostas tanto afirmaram na ocasião; visto que começou a projetar possíveis batalhas contra os compatriotas Dustin Poirier e Dustin Gaethje, minimizando os riscos que o paulista era no octógono para os lutadores.

“Iron” não aguentou os socos do brasileiro e desmaiou no octógono. Depois do ocorrido, Charles ostentou o cinturão do peso-leve da companhia pela primeira vez.

Contudo, parte dos fãs e, inclusive, o próprio atleta foram surpreendidos, em dezembro, quando detonou Poirier, vencendo no terceiro round.

Chandler havia apostado em “The Diamond” contra o brasileiro e ainda afirmou que Gaethje o venceria também. Todavia, confessou em entrevista ao “MMA Fighting” que Charles foi impecável na temporada 2021 e ainda o elegeu como melhor lutador do ano.

- Estávamos errados sobre Charles. Serei o primeiro a admitir isso também - finalizou.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários