Já são 77 mil divórcios em um ano no Brasil

Após quase dois anos de pandemia da Covid-19 e isolamentos infindáveis, o Brasil bateu um recorde no número de casais que pediu o divórcio em 2021.

Dados do Colégio Notarial do Brasil (CNB) apontou que 77.112 divórcios consensuais foram registrados no ano passado. Em 2020, 76.846 casamentos também foram desfeitos. Isso significa dizer que houve um aumento de 266 casos. O maior desde 2007.

Os lockdowns propostos por governadores e prefeitos do país foi apontado como a principal causa das separações. É que muito tempo de convívio com o outro, ao invés de alicerçar o casamento, acabou desnudando diferenças irreconciliáveis.

- Na pandemia, houve um embaralhamento de papéis e as mulheres buscaram por uma maior participação dos homens, especialmente no cuidado dos filhos - destacou a vice-presidente do Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM), Maria Berenice Dias.

Fora isso, nunca foi tão fácil se divorciar no Brasil. Hoje, até cartórios realizam o processo para casais jovens e sem filhos menores. Só precisa regularizar a guarda, pensão e regime de convivência no Fórum antes e está tudo sacramentado.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários