VÍDEO: "Não se vacinou, não é problema meu. Mas, mantenha-se longe dos que se vacinaram", diz pastor da Adventista

Neste último final de semana, um vídeo se tornou viral e chamou a atenção dos internautas na web. Nele, o pastor Mauro Sérgio Cardoso, da Igreja Adventista do Sétimo Dia, de São Caetano do Sul, interior de São Paulo, é acusado de segregar os congregados do templo durante pregação.

Nas imagens, o pastor reclama que algumas pessoas não seguem as leis e que a igreja investiu dinheiro para distanciar os imunizados daqueles que preferiram não se vacinar. Mas, como os integrantes do templo continuavam "se misturando", Cardoso decidiu ser mais claro e mandou os fieis se separarem.

- Eu quero que ouçam porque vou falar muito sério, mas não vou ser grosso. Serei objetivo - iniciou.
- Ninguém é obrigado a tomar vacina. É problema seu! Mas, por favor, se você escolheu não tomar vacina, recolha-se. Escolha um canto mais isolado. Tá claro isso pra você? -
- Se não se vacinou, não é problema meu!! Mas, mantenha-se longe dos que se vacinaram! - disparou o líder, antes de começar a pregação dominical.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários