A estupidez continua sendo a maior (e mais nociva) pandemia

Justin "Bieber" Trudeau mostrou ao mundo do que um tiranete, como ele, é feito: 100% geléia.

É só mais um tipinho desqualificado, como tantos outros, que supostamente protegido por um terno de linho e um cargo político, ignora todo bom senso para se mostrar o que é: um projeto de ditador se achando o novo manda-chuva do pedaço.

Só não contava que, diferente do Brasil, ia ter de encarar um comboio de caminhoneiros decididos, valentes e inteligentes que, numa jogada de mestre, lhe deram xeque-mate.

Contrários ao patético Passaporte Sanitário, "documento" que na prática permite v@ci.n@dos contaminados espalharem o vírus em local fechado, enquanto proibe não v@ci.n@dos, não contaminados, da liberdade de "ir e vir", os caminhoneiros foram literalmente pra briga, ao lado da população, e mr. Bieber o que fez? Pegou sua família e FUGIU. Sim, amiguinhos, este é o "líder" canadense: um sujeito que se escondeu para não ser confrontado.

O ato dos caminhoneiros canadenses deveria servir de exemplo ao Brasil, e ao mundo, mas o que se vê por aqui é um bandido, ladrão, candidato a presidente, já garantir que, se eleito, será favorável ao estúpido passe ditatorial, enquanto do seu lado, como numa piada de filme do Mel Brooks, o juiz que o "prendeu", apoia-o e diz que se for presidente a vacinação será compulsória, deixando claro que está literalmente "defecando" e andando para as liberdades individuais.

Sujeito nem disfarça.

Já chegou deixando claro a intenção em ser ditador. Bom, mas ao menos sabemos também que este é provavelmente feito do mesmo material do sr. Bieber. É só apertar, que ele também evacua e corre.

O mundo precisa urgentemente acordar desta hipnose coletiva.

Parabéns aos canadenses.

É claro que o vírus existe e é perigoso, porém regras ditatoriais não vão salvar NINGUÉM.

Que o bom senso e a inteligência voltem a dar as caras pelo mundo.

A estupidez continua sendo a maior (e mais nociva) pandemia, e para esta também não existe "soro" mágico e nem "passe livre" que nos salve.

O planeta precisa urgentemente acordar.

Texto: Maurício Nunes (A Toca do Lobo - Facebook / @tocadolobomau - Instagram)

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários