Em quinta condenação por crimes sexuais, João de Deus pega mais 4 anos de reclusão

O médium João de Deus, de 79 anos, que responde na Justiça desde 2018 por crimes sexuais, foi condenado pela quinta vez em virtude do mesmo motivo. Nesta segunda-feira (31), ele pegou mais 4 anos de prisão por violação sexual mediante fraude. Além da reclusão, ele ainda terá que indenizar a vítima em R$ 20 mil por danos morais.

O religioso já foi sentenciado por posse ilegal de arma de fogo (4 anos em regime semiaberto), crimes sexuais cometidos contra quatro mulheres (19 anos em regime fechado), crimes sexuais cometidos contra cinco mulheres (40 anos em regime fechado), violação sexual mediante fraude (2,5 de reclusão) e por estupro de vulnerável contra quatro mulheres (44 anos de prisão).

Apesar de todas as sentenças, ele está em prisão domiciliar desde setembro de 2021.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários