Adele é ofendida de transfóbica por afirmar que ama ser mulher

A polêmica em torno da cantora britânica, Adele, de 33 anos, ocorreu durante a entrega do prêmio "Artista do Ano", a

42ª edição do BRIT Awards, na terça-feira (8).

Adele venceu nas categorias "Álbum do Ano" e "Música do Ano". Mas, ao receber a estatueta, a cantora não se conteve e

declarou ter ficado surpresa com a mudança no nome da premiação, que não é mais dividido entre homens e mulheres.

- Entendo por que o nome deste prêmio mudou, mas realmente amo ser mulher e ser uma artista feminina. Eu amo. Estou muito orgulhosa de nós (mulheres). Realmente estou - disse a artista para "horror" do grupo LGBT.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários