Autor de PL para acabar com crime por calúnia, Kataguiri diz que vai processar por calúnia quem o chamar de nazista

O Movimento Brasil Livre (MBL), do qual o deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) faz parte, disse que vai processar por calúnia, difamação e injúria quem chamar o parlamentar de nazista.

As alegações de que Kataguiri seria conivente com o nazismo vieram à tona depois que o deputado participou do Flow Podcast junto com a deputada federal Tábata Amaral (PSB-SP). Na ocasião, o apresentador Monark discursava sobre o tema e defendeu a instituição de uma partido para os nazistas. Ele foi rebatido por Tábata. Mas, quando chegou na vez de Kataguiri, o rapaz disse que a Alemanha havia errado ao criminalizar o grupo. Por essa fala, tem sido alvo de críticas de políticos, autoridades e seguidores.

Indignado com os questionamentos, Kim resolveu processar todos os que o acusarem de nazista. Mas, "esqueceu" que ele mesmo foi o autor da PL 2473/2021, que tenta revogar os crimes contra a honra.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários