"Estamos mais fortes do que há 8 anos", avisa presidente da Ucrânia a Putin

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse, nesta segunda-feira (14), que o país será atacado amanhã (16).

Ele soltou um vídeo nas redes sociais em que não deixa claro como a Ucrânia pretende evitar a empreitada do Kremilin, mas pede para que o povo se una em uma rede nacionalista.

- O nosso país está mais forte do que nunca. Faremos de 16 de fevereiro o dia da unidade - afirma.

E acrescenta:

- Estamos mais fortes do que há 8 anos - avisa, referindo-se ao Exército do país.

A Rússia, há meses, vem ameaçando invadir a Ucrânia, que já foi território da União Soviética. Vladmir Putin é contra a entrada do país na OTAN e diz que, se a Ucrânia não retroceder do desejo de entrar no grupo, haverá graves consequências.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários