Deputado conta quase 200 decisões do STF contra Governo Bolsonaro

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL) fez um levantamento e contou o número de vezes em que os últimos quatro presidentes do Brasil foram acionados por partidos políticos de oposição junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Jair Bolsonaro (PL) bate o recorde negativo. O atual chefe do Planalto viu seu governo sofrer interferência da Suprema Corte por, pelo menos, 195 vezes. Assim, atendendo a pedidos de políticos da oposição, a Corte intrometeu-se quase 200 vezes contra determinações do Governo Federal.

Antes de Bolsonaro, apenas o presidente condenado pela "Lava Jato" por corrupção, Lula (PT), havia sofrido interferências. Mas, no caso dele, foram 75 ocasiões.

- Somando Lula, Dilma e Temer não chega a 3 anos de Governo Bolsonaro - reclamou o parlamentar, que é filho do presidente.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários