Fonte do Pentágono diz que Putin sofre de câncer terminal

Relatórios produzidos pela Inteligência do Pentágono e do Governo da Ucrânia dão conta que o presidente da Rússia, Vladmir Putin, estaria com câncer terminal no intestino.

Uma fonte do Pentágono teria dado a informação ao jornal britânico "Daily Star" e contado que as autoridades estudam a vida privada do russo e notaram o rosto mais inchado nos últimos tempos e a expressão sempre carrancuda, sinal de que sofreria de agudas dores.

O Pentágono acredita ainda que, esperando a morte para breve, Putin se preciptou em invadir a Ucrânia para, possivelmente, deixar um legado.

O líder do kremlin tem 69 anos de idade, é ex-agente da KGB e está no poder desde 1999.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários