Supremo fecha parceria com Turma da Mônica para combater Fake News

O Supremo Tribunal Federal (STF) comunicou, nesta quarta-feira (16), que fechou parceria com o gibi de Maurício de Souza, a Turma da Mônica, para, supostamente, combater Fake News e levar informação às escolas.

Agora, o quadrinho mais conhecido do Brasil contará a história "heroica" dos ministros da Corte para crianças e adolescentes de todo o país, explicando quais as atividades do Supremo e o papel do Poder Judiciário.

A cooperação entre os Estúdios Maurício de Souza e o STF, no entanto, já é antiga. Iniciou em 2008 e foi renovada em 2015. Voltaram a conversar sobre o tema, no último ano, quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impôs uma série de regras para os candidatos do pleito de 2022, inclusive a impossibilidade de utilizar, exaustivamente, as redes sociais em benefício da própria campanha.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários