MBL decide deixar o Podemos. Grupo avalia proposta de três partidos

Após polêmica envolvendo um dos principais nomes do Movimento Brasil Livre (MBL), o deputado estadual Arthur do Val,os integrantes do grupo decidiram abandonar "em peso" o Podemos, partido que integravam.

Essa movimentação é benéfica para a campanha presidencial do ex-juiz Sérgio Moro (Podemos), que não gostaria de ter

a candidatura prejudicada em virtude dos repetidos deslizes dos "meninos". A saída é mais que comemorada pelo ex-ministroe a "amizade" continua, tanto que o MBL permancerá apoiando o ex-magistrado em sua empreitada rumo ao Planalto.

Porém, agora, o MBL deve se concentrar na ida para uma nova legenda. Neste momento, analisam três opções: União Brasil, Patriota e Cidadania.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários