Leite renuncia ao Governo do Rio Grande do Sul

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, renunciou aos últimos meses de seu mandato, nesta segunda-feira (28).

Sem informar em que cargo pretende se candidatar, Leite disse que estava deixando o governo do Estado porque precisava atender a uma lei eleitoral, confirmando, assim, o desejo de disputar novamente as eleições deste ano.

- Vou renunciar a um poder para não renunciar à política - afirmou, acrescentando que permanece no PSDB, sigla que escolheu o governador de São Paulo, João Doria, como seu candidato à presidência no pleito de 2022.

O delegado Ranolfo Vieira Jr., vice de Leite, fica no cargo até o final do ano.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários