Justiça dá ganho de causa para Globo e artista desabafa: "Se apropriou da imagem"

Entre 2017 e 2018, a novela "Malhação", da Rede Globo, criou nova vinheta para a atração. Entre as obras e imagens que apareciam, uma era do artista visual Marcelo "Tchê" Ruggi, que ele havia pintado no "Beco do Batman", em São Paulo. 

O rapaz entrou, então, na Justiça pedindo que lhe fossem dados os devidos direitos autorais pela veiculação da obra na emissora. Mas, passados alguns anos e o caso já tendo tramitado em duas instâncias, Ruggi, recentemente, recebeu resposta negativa.

A Justiça entendeu que, ao invés de reclamar direitos autorais, Ruggi deveria agradecer à TV Globo por sua obra ter sido divulgada na casa. Além do mais, o juiz da 1ª Vara considerou que "dois segundos" de aparição era um tempo tão pequeno que não valia a pena Marcelo solicitar na Justiça indenização no valor de R$ 30 mil.

"Tchê" se manifestou após perder o processo contra a Globo e disse que todos os artistas que desenvolveram a vinheta receberam por seu trabalho, menos ele:

- Tanto a cantora Flora Matos, que tem sua música utilizada na abertura da novela, como os diretores de arte, atores que andam em frente a minha pintura, câmeras, designers e toda a cadeia artística que compõe esse coletivo, tiveram seu reconhecimento e receberam seus direitos e remunerações devidas - argumentou.
- Minha pintura está no tempo em que vivo, é fruto de um presente que ajudo a construir com uma bagagem de muita dedicação. Se por algum motivo escolheram a minha arte para fazer parte da entrada que divulga o programa de telenovela Malhação, espero ter o reconhecimento devido e a justiça feita - finalizou.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários