Priscilla Alcântara diz que não vai mais cantar música compartilhada por Bolsonaro

A jovem cantora gospel, Priscilla Alcântara, decidiu, nesta quarta-feira (30), que nunca mais vai voltar a cantar a música "liberdade", porque o presidente Jair Bolsonaro (PL) havia compartilhado a melodia em suas redes sociais.

Priscilla, que já criticou o presidente em outras ocasiões mas não chamou tanto a atenção como agora, escreveu no Twitter:

- Nunca mais vou cantar 'Liberdade' - disse ela, retirando a possibilidade de pessoas que pensam contrárias a ela, elogiarem o seu trabalho.

A postura da artista foi bastante censurada e alguns veículos da imprensa chegaram a afirmar que "famosos esquecidos" tentam voltar aos holofotes, aliando o próprio nome ao do presidente Jair Bolsonaro e, assim, conseguem ficar entre os assuntos mais comentados do Twitter. 

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários