Moro se filia ao União Brasil, mas partido rejeita lançá-lo a presidente

A semana está sendo muito conturbada para o ex-juiz federal Sérgio Moro. Em menos de 24 horas, ele saiu do Podemos e ingressou no União Brasil. Levava consigo o desejo de continuar na disputa pelo Planalto ou, em um nível mais baixo, pelo menos, viria candidato ao Senado Federal. Mas, a bancada do novo partido rejeitou as duas opções e diz que o ex-magistrado pode ter mais chances de ganhar se vier como deputado federal por São Paulo, cujo colégio eleitoral é o maior do país.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários