Sargento da PM, baleado pelo filho de 13 anos, recebe alta de hospital

Benedito da Silva de Araújo, 56 anos, recebeu alta do hospital neste sábado (9). Ele estava internado desde o dia 19 de março, quando foi baleado pelo próprio filho, um adolescente de 13 anos, dentro de casa, em Campina Grande, na Paraíba.

O jovem disse que matou a mãe, o irmão e quase assassinou o pai porque estava com raiva do celular ter sido retirado dele em virtude das notas baixas na escola. Ele esperou o sargento sair para comprar remédio pra esposa, pegou a arma do pai e atirou na mãe, enquanto ela dormia. 

O jovem era confrontado pelo irmão mais novo, quando o PM chegou em casa. O sargento tentou tirar a arma do filho, que atirou nele em seguida. O irmão, ao ver o pai morto, deitou-se em cima dele e começou a chorar, o adolescente atirou no menino pelas costas. A criança morreu na hora.

A equipe médica disse que, embora o sargento tenha sobrevivido ao ataque do filho, ele continua sem o movimento dos membros inferiores, com quadro de paraplegia.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários