Bolsonaro rejeita sugestão de Temer de revogar perdão a Daniel Silveira

O presidente Jair Bolsonaro (PL) rejeitou, nesta sexta-feira (22), a sugestão do ex-presidente Michel Temer (MDB) de revogar o indulto individual que ele concedeu ao deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ), condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a quase 9 anos de prisão por divulgar vídeos nas redes sociais criticando a postura política dos ministros.

Após os integrantes da Corte formarem maioria a favor da condenação do parlamentar, Bolsonaro concedeu indulto ao rapaz e retirou todas as pendências judiciais impostas por Alexandre de Moraes.

Não demorou muito para que a oposição se levantasse contra a medida, que está garantida em lei e é prerrogativa do presidente de forma irreversível. Michel Temer foi um dos que foram à imprensa censurar o ato presidencial e pedir que Jair Bolsonaro revogasse o próprio ato. 

Nas redes sociais, o atual chefe do Planalto respondeu aos críticos com uma única palavra:

- Não! -

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários