PF vai investigar disparo de Milton Ribeiro em aeroporto

A Polícia Federal decidiu abrir uma investigação para apurar o disparo acidental com arma de fogo cometido pelo ex-Ministro da Educação, Milton Ribeiro, no aeroporto de Brasília, nesta segunda-feira (25).

O pastor tentava desmuniciar a arma dentro de uma pasta, quando o artefato disparou acidentalmente, perfurou o coldre e se espalhou no chão.

Estilhaços do disparo atingiram uma funcionária da Gol Linhas Aéreas.

A PF disse que vai analisar as imagens das cãmeras de segurança e também pedir informçaões ao Exército para saber se Ribeiro tem porte de armas.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários