Ciro Gomes xinga o dono do Coco Bambu e restaurante lota nos dias seguintes

Ciro Gomes (PDT-CE) não tem se portado bem em sua pré-campanha eleitoral, se assim podemos dizer. Em eventos abertos ao público, ele costuma bater nas pessoas, xingar a mãe dos apoiadores do presidente Jair Bolsoanro (PL) e acusar concorrentes de crimes que não existem. Agora, o ex-ministro do governo petista mirou o seu arsenal de ofensas para Afrânio Barreira, o dono da rede de restaurantes Coco Bambu.

Em entrevista a um canal do YouTube, o ex-governador do Ceará disse:

- Esse vagabundo do Coco Bambu tem 50 restaurantes no Brasil e no mundo, cada um deles tem uma razão social diferente pra não pagar imposto, pra estar no Simples Simples. Por isso que são tudo bolsonaristas, porque é tudo marginal - acusou sem provas.
- Deixa eu chegar na Presidência da República para ver se essa gente prospera - ameaçou.

Em nota, o Coco Bambu disse que Ciro calunia e difama a rede para "aparecer na mídia".

- Ele não falou uma única verdade! Caluniou, difamou e injuriou todos os sócios do Coco Bambu, que pagaram, em 2021, mais de R$ 100 milhões de impostos! Não há nenhum Coco Bambu no Simples Nacional - diz trecho do documento.
- Ele atacou não só o Coco Bambu, mas todos os empreendedores do Ceará e do Brasil que, nas últimas 24 horas, têm se manifestado fortemente contra essas declarações -

A rede de 64 restaurantes informa que é “sistematicamente” fiscalizada no Ceará, e que não possui processos nas esferas do município, Estado ou União. 

- Não somos tributados pelo Simples já que as 64 lojas possuem faturamento acima do limite máximo permitido. Em 2021, pagamos, entre impostos federais e estaduais, aproximadamente R$ 100 milhões, gerando 7.200 empregos diretos no Brasil. (É) lamentável que um candidato à presidência da República utilize desses meios espalhando inverdades para aparecer na mídia - finalizou.

Após as declarações de Ciro, internautas postaram nas redes sociais um dos restaurantes da cadeia lotado, com pessoas fazendo fila para comer no local no Dia das Mães.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários