No Pará, PF age rápido e recupera moedas antigas do século XIX de propriedade da União

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quarta-feira (23), a “Operação Cara e Coroa”, no município de Colares, interior do Pará, na tentativa de recuperar centenas de moedas antigas de ouro e de bronze do século XIX encontradas por escavadores não autorizados, em um quintal, no domingo (20).

A ação cumpre três mandados de busca e apreensão, expedidos pela 9ª Vara Federal Ambiental e Agrária da Justiça Federal do Pará. As moedas foram apreendidas na casa dos alvos da operação e são caracterizadas como bens da União. Os artefatos datam da época do Brasil Império e são consideradas patrimônio histórico nacional, o que atrai o interesse da União e evoca atribuição da Polícia Federal.

O Instituto do Patrimônio Histórico Nacional (IPHAN) informou que, o local onde foram coletadas as moedas, foi demarcado como sítio arqueológico.

Assim que soube do achado, a Prefeitura de Colares acionou a PF para impedir que o tesouro fosse comercializado.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários