Condenado por mais de 100 estupros é recapturado. Criminoso havia fugido para o Pará

A Polícia Penal já colocou atrás das grades, novamente, Wanderson Alves Carvalho. O homem foi condenado por mais de 100 estupros em Goiás, mas, há cinco meses estava foragido do sistema penitenciário. Ele fugiu enquanto prestava serviços de limpeza no local.

- O detento havia sido escoltado da Penitenciária Odenir Guimarães (POG) até a base do Grupo de Guaritas e Muralhas (GGM) para realizar os trabalhos. Mas, no início da noite, as equipes do GGM que retornaram à POG perceberam que o preso não havia voltado para o estabelecimento prisional - explicou a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP). 

Ele estava se escondendo no Norte do Brasil, em Belém do Pará, quando entrou em contato com a família e um advogado e foi convencido a se entregar.

- (...) Ele temia pela própria vida e, em contato com o advogado de defesa e familiares, convencemos ele de se entregar e cumprir o restante da pena imposta - disse o defensor Rodrigo da Silva Santos.

O criminoso tem uma pena de quase 200 anos para concluir em regime fechado pelos estupros cometidos.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários