VÍDEO: Frentista, que nocauteou assediador, é convidada para MMA

A frentista de Porto Alegre, Marian Damásio, de 22 anos, que bateu em um assediador numa loja de conveniência no posto onde trabalha, fez tanto sucesso nas redes sociais que foi convidada para participar de evento no MMA.

Wallid Ismall, campeão brasileiro e mundial de jiu-jitsu e criador do Jungle Fight, em 2003, convidou a moça para treinar em uma academia e lutar na próxima edição do evento.

O Jungle Fight separa as primeiras lutas para atletas iniciantes que tenham mesmo nível. A última edição foi em São Paulo, no início deste mês. Em agosto, o JFC 108, está marcado para o Rio de Janeiro e é nele que o Ismall pretende incluí-la.

A jovem, que diz não ser violenta, também se impressionou com a própria reação depois do vídeo viralizar na internet e comentou:

- Eu não queria ter a reação que tive. Não acho que é com violência que se resolvem as coisas. Mas, perante tudo isso que aconteceu, viralizou na mídia, veio a parte boa, que foi o convite - contou, acrescentando que aceitou a oferta.
- Sempre gostei, mas nunca fui a fundo - completou, afirmando que jamais praticou artes marciais.

A empresa de Wallid procura, agora, um local para a moça treinar.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários