Bolsonaro anuncia troca de presidente na Petrobras para tentar baixar valor do combustível mais uma vez

O presidente Jair Bolsonaro (PL) demitiu, nesta segunda-feira (23), José Mauro Coelho, que estava há 40 dias no comando da Petrobras.

Coelho será substituído pelo Secretário de Desburocratização do Ministério da Economia, Caio Mário Paes de Andrade.

A troca é mais uma tentiva do presidente Bolsonaro de tentar baixar o valor do combustível para o consumidor.

O Planalto demostrou grande descontentamento, quando, recentemente, a estatal divulgou lucro bilionário no primeiro trimestre deste ano e, em seguida, aumentou o valor do diesel. Além disso, o Executivo Nacional já vem fazendo apelos há anos para governadores que diminuam os impostos estaduais e, ao mesmo tempo, tenta convencer diretores da estatal para que os preços fiquem "congelados" mas em vão.

Em sua defesa, o Conselho da Petrobras argumenta que os acréscimos são decorrentes da "extrema volatilidade dos hidrocarbonetos nos mercados internacionais” e que "diversos fatores geopolíticos resultam em impactos não apenas sobre o preço da gasolina e do diesel, mas sobre todos os componentes energéticos". 

- Dessa maneira, para que sejam mantidas as condições necessárias para o crescimento do emprego e renda dos brasileiros, é preciso fortalecer a capacidade de investimento do setor privado como um todo - alega nota da estatal.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários