Relembre as 20 obras que o PT financiou em outros países

No anos em que esteve no poder, o Partido dos Trabalhadores (PT) financiou com dinheiro público do Brasil, utilizando o Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES), ao menos, 20 obras no exterior. Relembre quais foram:

1) Porto de Mariel, em Cuba:

Valor da obra: US$ 957 milhões, sendo que US$ 682 mi vieram do BNDES. Empresa responsável: Odebrechet

2) Hidrelética de San Francisco, no Equador:

Valor da obra: US$ 243 milhões. Empresa responsável: Odebrechet

3) Hidrelétrica Manduriacu, no Equador:

Valor da Obra: US$ 124,8 milhões, sendo US$ 90 mi financiados pelo BNDES. Empresa responsável: Odebrechet

4) Hidroelétrica de Chaglla, no Peru:

Valor da obra: US$ 1,2 bilhões, sendo US$ 320 mi encaminhados pelo BNDES. Empresa responsável: Odebrechet

5) Metrô Cidade do Panamá, no Panamá

Valor da obra: US$ 1 bilhão. Empresa responsável: Odebrechet

6) Autopista Madden-Colón, no Panamá

Valor da obra: US$ 152,8 milhões. Empresa responsável: Odebrechet

7) Aqueduto de Chaco, na Argentina

Valor da obra: US$ 180 milhões. Empresa responsável: OAS

8) Soterramento do Ferrocarril Sarmiento, na Argentina

Valor da obra: US$ 1,5 bilhões. Empresa responsável: Odebrechet

9) Linhas 3 e 4 do Metrô de Caracas, na Venezuela

Valor da obra: US$ 732 milhões. Empresa responsável: Odebrechet

10) Segunda ponte do Rio Orinoco, na Venezuela

Valor da obra: US$ 1,2 bilhões, sendo US$ 300 milhões do BNDES. Empresa responsável: Odebrechet

11) Barragem de Moamba Major, em Moçambique

Valor da obra: US$ 460 milhões, sendo US$ 350 mi do BNDES. Empresa responsável: Andrade Gutierrez

12) Aeroporto de Nacala, em Moçambique

Valor da obra: US$ 200 milhões, sendo US$125 milhões por parte do BNDES. Empresa responsável: Odebrecht

13) BRT da capital Maputo, em Moçambique

Valor da obra: US$ 220 milhões, sendo US$ 180 milhões do BNDES. Empresa responsável: Odebrecht

14) Hidrelétrica de Tumarín, na Nicarágua

Valor da obra: US$ 1,1 bilhão, sendo US$ 343 milhões do BNDES. Empresa responsável: Queiroz Galvão

15) Projeto Hacia el Norte – Rurrenabaque-El-Chorro, na Bolívia

Valor da obra: US$ 199 milhões. Empresa responsável: Queiroz Galvão

16) Exportação de 127 ônibus para a Colômbia

Valor: US$ 26,8 milhões. Empresa responsável: San Marino

17) Exportação de 20 aviões para a Argentina

Valor: US$ 595 milhões. Empresa responsável: Embraer

18) Abastecimento de água em Lima – Projeto Bayovar, no Peru

Valor: Não informado. Empresa responsável: Andrade Gutierrez

OBS: Enquanto isso os nordestinos sofriam com a seca e a falta de continuação das obras no Rio São Francisco

19) Renovação da rede de gasodutos em Montevideo, no Uruguai

Valor: Não informado. Empresa responsável: OAS

20) Via Expressa Luanda/Kifangondo

Valor: Não informado. Empresa responsável: Queiroz Galvão

Ainda existem mais de 3000 empréstimos concedidos pelo BNDES no período de 2009-2014. Muitos sem os valores informados.

Inacreditável!

Mostrar comentários