STF limita votos de ministros indicados por Bolsonaro

Parecia meme, mas era real. Nesta quinta-feira (9) de noite, começou a circular a informação de que os 9 ministros indicados - em sua maioria (8) pelo PT e um pelo PSDB - resolveram aprovar, entre eles, uma nova regra que impede os magistrados indicados por Jair Bolsonaro (PL) de atuar.

Isso mesmo!

Com a nova medida, Kassio Nunes Marques e André Mendonça não podem mais votar em processos que já estavam em andamento.

A proposta foi feita por Alexandre de Moraes, o ministro que mais embates públicos teve com o presidente e é o responsável por inquéritos sem fim como é o caso da suposta investigação das Fake News, que nunca encontrou culpado ou crime.

O mais absurdo de tudo é que os ministros que deixaram a Corte continuarão podendo votar, mas os indicados pelo atual presidene estão impedidos.

É pra rir ou pra chorar?

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários