Organizador da motociata pró-Bolsonaro em Orlando (EUA) afirma estar sendo perseguido

O empresário pecuarista do Pará, Mário Martins Jr., teve a vida dilacerada pela grande imprensa brasileira. Saiu do anonimato para uma repentina perseguição que vem sofrendo, não só de políticos de oposição ao Governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) como dos meios de comunicação e até de autoridades.

Residindo entre o Pará e o estados Unidos, onde ele mantém negócios e um grupo em favor do Planalto, o Movimento Yes Brazil USA, ele organizou uma motociata em homenagem ao presidente, em Orlando, na Flórida, no sábado (11). Foi o suficiente para ele receber uma "chuva" de insinuações maldosas, críticas, censuras e outros discursos de ódio nas redes sociais.

O motivo de toda essa aberração? Sera a favor do Governo brasileiro e ter ajudado o jornalista investigativo Allan dos Santos a se manter na América.

- O Yes Brazil USA é princi­palmente composto por brasileiros residentes nos Estados Unidos, sendo a maioria cristãos que apoiam as mudanças necessárias em nosso país e os ideais conservadores na defesa da família e contra a corrupção - explicou.

Parece que se declarar cristão e contra a corrupção tem feito toda a diferença para a Justiça no Brasil e os esquerdistas.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários