Em torneio feminino de skate, transgênero de 29 anos compete com meninas de 10 e 13

Pouco tempo depois que a Federação Internacional de Natação (Fina) restringiu o acesso de transgêneros a competições femininas, Ricci Tres, atleta trans de 29 anos, venceu uma "colega" Shiloh Catori, de 13 anos.

A competição ocorreu nos Estados Unidos, no sábado (25), e chamou a atenção da mídia internacional porque Tres era visivelmente mais velho, mais forte, mais experiente e maior que suas concorrentes de 10 e 13 anos.

A vitória de Tres foi considerada "desigual" pela comunidade porque, em 2021, a trans tentava concorrer nas Olimpíadas pelo bloco feminino, mas o nível de testosterona nela foi confirmado elevado demais para os padrões de meninas.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários