A poucos meses da eleição, presidente da Caixa é acusado de assédio sexual

Depois da prisão do ex-Ministro da Educação, Milton Ribeiro, por suposta corrupção que ele mesmo denunciou à Controladoria-Geral da União (CGU), agora, foi a vez do presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Guimarães, ser acusado de assédio sexual por funcionárias.

De acordo com denúncia feita pelo site Metrópoles, um grupo de funcionárias teria feito relatos ao Ministério Público sobre o caso, mas as mulheres não registraram boletim de ocorrência a respeito dos episódios. Entre os abusos que elas dizem ter sofrido, estão toques íntimos, abordagens e convites inadequados em viagens a trabalho.

Pedro Guimarães ainda não se manifestou sobre o assunto e a Caixa disse que não foi notificada sobre o assunto em questão.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários