Colunista de O Republicano é classificada ao Prêmio Jabuti de Literatura

A jovem estudante Pietra Pavarotti, pseudônimo de Pietra Dias, de apenas 17 anos, um prodígio do jornalismo, acaba de ser classificada ao Prêmio Jabuti de Literatura 2022, como autora indepente e o livro "O que ninguém viu".

A obra narra a história de um jovem que, ao se mudar para a nova residência, se depara com um peculiar casal de vizinhos. Essa misteriosa relação vai culminar em uma perturbadora volta ao passado com direito à assassinatos e descobertas macabras. 

O concurso está na sua 64ª edição, é organizado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) e os inscritos podem concorrer nas seguintes categorias: Associados CBL, autores independentes, associados entidades congêneres, não associados da CBL e também para todos os tipos de inscrição, com obra individual ou coleção.

Os(as) autores(as) vencedores(as) de cada categoria recebem estatueta e o prêmio de R$ 5 mil (exceto para "Livro Brasileiro Publicado no Exterior"). 

Já o(a) vencedor(a) da categoria "Livro no Ano" será premiado(a) com a estatueta e o valor de R$ 100 mil. 

Se a obra premiada for uma coautoria, o prêmio em dinheiro é dividido entre as partes, após a dedução dos impostos legais. 

Os editores dos livros também não são esquecidos. Eles são contemplados com a estatueta do Prêmio Jabuti.

Na categoria Livro Brasileiro Publicado no Exterior, será premiada a editora brasileira da obra vencedora, que, além da estatueta, se for filiada ao Projeto Brazilian Publishers, a editora ganha também uma Bolsa de Apoio à Tradução no valor de R$ 5 mil. 

Mas, se não fizer parte do BP, a editora brasileira é premiada com um ano de participação integral no projeto que promove a literatura brasileira no mercado internacional.

Os vencedores serão conhecidos apenas na cerimônia do 64ª Prêmio Jabuti, que será ampla e antecipadamente divulgada pela CBL.

Saiba quem já ganhou o Prêmio Jabuti

Entre os autores que já ganharam o mais tradicional prêmio literário do Brasil, estão: Clarice Lispector, Lygia Fagundes Telles, Luis Fernando Veríssimo e Chico Buarque.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários