Bolsonaro cancela encontro com presidente de Portugal ao ser notificado de que ele se reúne com Lula neste domingo (3)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) perdeu a paciência com o chefe de Estado de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, e decidiu cancelar o encontro ques eles teriam na mamnhã desta segunda-feira (4).

A equipe do Planalto já havia informado ao presidente português que o encontro entre os dois só ocorreria, se Rebelo de Sousa não se encontrasse com o ex-presidiário Lula (PT), condenado por corrupção e lavagem de dinheiro e também principal opositor do governo atual no pleito deste ano.

Marcelo Rebelo de Sousa, no entanto, não atentou para o pedido do Executivo Nacional e agendou encontro com Lula antes mesmo de falar com o presidente do Brasil. A reunião entre os dois esquerdistas será neste domingo (3), no Consulado-Geral de Portugal, em São Paulo.

Indignado com a desfeita, Bolsonaro mandou recolher a mesa e cancelou o almoço que o Planalto havia preparado para receber o português e disse:

- Ou vem visitar um Chefe de Estado ou um corrupto - comentou Bolsonaro o "xeque-mate" no amigo de Lula.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários