O DF e mais 24 Estados aceitam proposta do Governo Bolsonaro para reduzir ICMS

Quase a totalidade de Estados brasileiros aceitou a proposta do Governo Bolsonaro em reduzir o ICMS,que é um imposto estadual.

De acordo com o texto encaminhado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe, Tocantins e o Distrito Federal aceitaram reduzir a alíquota em itens essenciais como combustível, energia elétrica, internet e transporte coletivo.

Apenas o Acre, da senadora Marina Silva e o Mato Grosso do Sul, de Simone Tebet, não aderiram ao projeto para baixar os valores pro consumidor final.

Essa foi mais uma batalha vencida por Bolsonaro que, há anos, tenta várias medidas que diminuíssem o valor do combustível na bomba. 

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários