Carlinhos Brown segue os passos de Elba Ramalho e se recusa a gritar "Fora, Bolsonaro" em show

O cantor baiano Carlinhos Brown, de 59 anos, interrompeu, neste sábado (9), seu show; assim que parte da plateia começou a gritar "Fora, Bolsonaro".

Visivelmente, inconformado com a manifestação durante a sua apresentação, Carlinhos Brown repreendeu o público:

- Desculpe! Eu sou o Brasil que deu certo e não me meta nisso daí. Não quero nem saber dessa gente. Eu não me meto nisso… Não quero me meter nesse assunto. Vamos fazer a construção desse país. A gente está aqui pra mudar e vamos mudar sem política! - desabafou para descontentamento de esquerdistas.

Semanas atrás, foi a vez de Elba Ramalho parar o seu show pelo mesmo motivo. Naquela ocasião, a artista aguardou o público se calar e falou para os apoiadores de Lula:

- Cada um tem o presidente que merece! - bradou, silenciando a plateia.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários